Por que cultivar o hábito da leitura

Sabemos que o hábito da leitura vem sendo deixado de lado há algum tempo. Se antes o conhecimento necessariamente passava por livros e enciclopédias, hoje a internet deixa à nossa disposição vídeos e áudios, sendo a leitura, para muitas pessoas, restrita a mensagens e tweets.

Mesmo na internet, os conteúdos em vídeo tomam cada vez mais o lugar dos textos de blogs, em parte pelo seu apelo visual e pela possibilidade de consumi-lo sem que seja necessário o exercício do foco, cada vez mais ausente em nossa sociedade. Esses conteúdos em vídeo são muito bons, realmente acessíveis pela liberdade que proporcionam (quem nunca ouviu um vídeo enquanto fazia outra coisa?), mas não precisam tomar completamente o lugar da leitura. O ato de ler traz benefícios importantes, alguns dos quais citaremos a seguir.

Exercita a concentração

blur book girl hands

Como dissemos, uma das grandes vantagens dos conteúdos em vídeo e áudio é que não precisamos “parar” a nossa vida para os aproveitarmos. Podemos ouvir qualquer coisa enquanto arrumamos a casa, dirigimos, brincamos com o cachorro ou até tentamos trabalhar no computador. Entretanto, o que se mostra como benéfico quando usado em momentos pontuais pode trazer malefícios se utilizado o tempo todo. Consumir conteúdo digital no modo “multitarefas”, por exemplo, pode reforçar um dos grandes vilões do mundo contemporâneo: a ansiedade.

Cada vez mais pessoas buscam práticas meditativas com o objetivo de sair do caos cotidiano e exercitar o foco e a concentração no momento presente. O ato da leitura contribui para isso, pois tem como pressuposto a concentração, que, como qualquer outra virtude, pode e deve ser exercitada e aprimorada. Quanto mais cultivamos o hábito da leitura, mais exercitamos nossa capacidade de concentração e nos tornamos aptos a viver o momento presente de forma plena, aliviando, assim, a ansiedade que tanto nos oprime.

Nos abre portas

woman reading a book sitting on mattress near the blue string light inside the room

Quem lê tem a possibilidade de viver em mundos diferentes; usufrui experiências que extrapolam a realidade mas que dialogam com ela, permitindo aprendizados e reflexões profundas. Ao ler um livro de ficção, por exemplo, nos colocamos no lugar dos personagens e experimentamos seus sentimentos mais essenciais. Não apenas assistimos ao que se passa, mas vivenciamos aquela história.

Esse contato com o irreal nos dá uma maior familiaridade com o ato de sonhar e almejar situações melhores. Somos mais capazes de sair do cotidiano robotizado e nos conectar com o que há de maior, com o “especial” presente nas pequenas coisas. Aprimoramos nossa capacidade de entender o que é subjetivo, de enxergar o que não é óbvio e até nos tornamos mais criativos na solução dos problemas.

Quem, através da leitura, se acostuma a viver situações tão diferentes da sua vida cotidiana, tem muito mais capacidade de desenvolver outra visão do mundo, chegando a soluções e lidando com os problemas de forma mais criativa e eficaz. A leitura é uma experiência mágica que nos envolve e nos remete a lugares e experiências inimagináveis de outra forma. Quem lê é capaz de alçar voos mais altos e ser mais feliz; as histórias nos permitem viver vidas diferentes, em lugares diversos e entender que a história de cada um deve ser escrita de acordo com quem se é.

Nos prepara para ler os clássicos da literatura

low light photography of books

Os livros clássicos não são assim classificados à toa: eles trazem consigo ensinamentos universais e atemporais, tratando de questões inatas à natureza humana. Têm muito a ensinar e nos fazem refletir sobre a vida, quem somos e quem gostaríamos de ser. Trazem questões filosóficas que nos estimulam a viver de forma original, fornecendo embasamento para que possamos elaborar um estilo de vida único e adequado ao invés de seguir o que todo mundo faz.

Os clássicos da literatura nos trazem ensinamentos e reflexões valiosíssimas, mas podem não ser tão simples de serem lidos. Por isso a leitura de textos mais simples também é importante: praticando o hábito da leitura antes de nos aventurarmos pelos clássicos garantimos que a incursão nesse mundo de obras renomadas seja mais fácil, prazerosa e nos traga mais ensinamentos, pois teremos melhores condições de compreensão do texto.

Nos proporciona liberdade

beautiful book eyeglasses eyewear

Em um mundo de informações fáceis, mas não tão confiáveis, só quem tem a capacidade de manter o foco na leitura e compreender textos mais elaborados tem real liberdade de informação. Explicamos: muitas vezes nós vemos uma manchete, achamos aquela informação um tanto estranha, abrimos o corpo da notícia e, ao ler o texto todo, vemos que aquele título induz a erro, dando a entender uma coisa que não é verdade. Da mesma forma, percebemos que muitas notícias enviesam determinada pesquisa ou ideia, levando a uma conclusão que não consta do texto original, o que só é perceptível quando buscamos a fonte.

photo of woman holding book

Mesmo com a evolução da internet e dos conteúdos em vídeo e áudio, o conhecimento científico e acadêmico ainda é registrado essencialmente por escrito, o que ressalta a importância de se exercitar o hábito da leitura: só com muito treino alcançamos a capacidade de concentração e interpretação de texto necessárias para averiguar fatos e consultar teorias diretamente de suas fontes, sem que haja intermediários manipulando essas informações e quem as vê.

Em outras palavras, a leitura proporciona liberdade: de pensar de uma forma diferente, de buscar fontes diversas de conhecimento e de realmente viver o agora de forma plena. Que ela esteja cada vez mais presente em nossas vidas!

5 comentários sobre “Por que cultivar o hábito da leitura

  1. Quem disse que parar é regredir, hoje vivemos em um mundo sem pausa sadia, estamos sempre correndo uma maratona o tempo todo sem usufruir o melhor da vida e acaba que o tempo presente não existe e focamos só em onde temos que chegar. Adorei o post e estava pensando o mesmo eu amo ler e não entendo o porque as pessoas estão substituindo histórias tão bem contadas e detalhadas para capturar os 5% que passa em filmes. bjo, parabéns!

    Curtido por 2 pessoas

    1. Concordo com você, Redilene! Acredito que a nossa forma de levar a vida nos deixa despreparados para o “esforço” de ler um livro e por isso acabamos buscando meios mais rápidos e simples. Por isso a importância de se “treinar” a leitura acompanhando blogs, por exemplo. 🙂
      Obrigada pela contribuição!

      Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s