Qual é o seu lugar no mundo?

Quem nunca se sentiu perdido no mundo? Muitas vezes nos deparamos com figuras públicas, pessoas de sucesso, artistas mundialmente reconhecidos, e nos perguntamos qual seria o nosso papel. Temos a impressão de que não servimos para nada, já que o nosso alcance é limitado ao nosso pequeno círculo social. Sonhamos com grandes realizações e, nessa frustração, não fazemos o que podemos no dia a dia porque isso simplesmente não parece o bastante.

photography of people having fun

Essa sensação de inutilidade e incapacidade é vendida pelo mercado de várias formas; entre elas, na idolatria a pessoas que exercem atividades consideradas de prestígio, mas que têm o mesmo grau de importância de qualquer outra. Quando cantores, atores e jogadores de futebol são colocados pela mídia como ídolos e ganham visibilidade nacional ou até mundial (visibilidade essa normalmente utilizada para o simples enriquecimento dos envolvidos, sem qualquer benefício real para o seu público), as pessoas “normais”, que tentam levar a vida de forma respeitosa e espalhando o bem, sentem-se pequenas, esquecidas e insignificantes. Essa sensação não condiz com a realidade: acreditamos que todos têm um lugar no mundo e influenciam a sociedade muito mais do que podem imaginar.

Do macro para o micro

person-woman-relaxation-girl.jpg

Sonhar alto é bom, nos dá ânimo para começar algo, mas não é o que nos mantém no caminho para alcançar nossas metas. A vida é composta por pequenos espaços de tempo e são eles que devem estar no nosso foco quando temos o objetivo de construir algo grandioso. Mesmo as grandes carreiras, descobertas e conquistas foram construídas aos poucos, um dia depois do outro.

É preciso pensar no micro e no que podemos fazer de pequeno, hoje, para alcançar quem está à nossa volta. E assim como pensamos no pequeno em termos de tempo, é preciso que pensemos pequeno nas ações, para que possamos atingir a meta maior. Não basta sonhar em ter uma grande carreira: é preciso que façamos o melhor trabalho possível a cada dia; e não basta fazer o trabalho, é necessário que tenhamos um bom relacionamento com nossos colegas, que vejamos sentido no que fazemos, que respeitemos todos os que têm contato conosco.

Uma vida de valor, que traz algo bom para a sociedade, é construída nas pequenas ações. É por isso que não concordamos com a atitude focada apenas no fim: porque toda grande conquista (pessoal ou social) é composta de atitudes tão pequenas e dispersas que todas elas devem estar alinhadas. Imagine uma pessoa que quer prestar um serviço, talvez até voluntário, na área do meio ambiente. Ela tem como objetivo o bem estar geral e a melhora de vida de muitas pessoas; mas de que adianta prestar esse serviço tão relevante se maltratar as pessoas que convivem com ela? Todas nossas ações – da maior à menor – devem visar o bem.

Nossa influência é real

woman sitting on chair near laptop computer

Com esse raciocínio fica claro que, ainda que nem todos tenhamos um grande alcance, todos nós influenciamos pessoas no nosso cotidiano. E é disso que devemos lembrar: nossa influência sobre o mundo é constante e atua sobre cada pessoa com a qual temos contato. Apesar disso, não podemos dizer que essa influência é pequena, pois cada pessoa influenciada por nossas palavras e ações é um universo único.

A pessoa que foi influenciada pelo nosso contato se relacionará com outros e pode passar adiante o sentimento provocado por nós – seja ele bom ou ruim. Por isso devemos entender que cada ação que praticamos tem, sim, muita força e poder para influenciar toda a sociedade!

photo of father and daughter running at the park

Isso fica ainda mais óbvio quando pensamos nos nossos relacionamentos próximos: muitas vezes nós significamos muito mais do que imaginamos para os que convivem conosco. Embora não tenhamos um alcance imediato muito grande na questão quantitativa, quando falamos em termos qualitativos, nossa influência é extremamente relevante: somos todo o mundo, por exemplo, dos nossos filhos; somos quem nossos parceiros escolheram para dividir a vida e quem nossos pais provavelmente mais amaram no mundo.

Para perceber o valor que nós temos quando pensamos nessas relações é preciso entender que cada pessoa carrega consigo um mundo diferente, com ambientes, pessoas e crenças específicas. Ao entrar no universo de outra pessoa, seja de forma superficial ou mais profunda, influenciamos toda a história dela, e isso é muita coisa.

Temos o poder

five women laughing

Ao influenciar uma pessoa, temos o potencial de causar muita mudança na sociedade, considerando o efeito dominó advindo daí. Isso nos mostra o poder que possuímos e o cuidado que precisamos ter com ele.

Percebemos que somos capazes de melhorar ou destruir o universo de alguém, bem como causar uma grande mudança em muitas pessoas com uma pequena ação ou palavra. Conseguimos ver, por exemplo, que cada boa ação pode se multiplicar e mudar o mundo!

Entendemos também que cada ação ou palavra má pode causar muito mais prejuízo do que imaginávamos. Essa consciência faz com que sejamos mais cuidadosos e que nos esforcemos para fazer as coisas certas, ainda que pareçam pequenas.

Ou seja…

pexels-photo-130111.jpegNão é preciso nos sentirmos frustrados porque não influenciamos milhares de pessoas ou não construímos algo grandioso, pois a forma como levamos nossa vida causa muito mais influência no mundo do que somos capazes de imaginar. Enquanto seguirmos nossos valores e tratarmos com respeito todos com quem tivermos contato, seremos pessoas relevantes na sociedade, que fazem o que podem para tornar esse mundo um lugar melhor e mais agradável para se viver.

Respeitemos e valorizemos nosso lugar no mundo, que não é menor do que o de qualquer outra pessoa e que, por isso mesmo, deve ser levado a sério, com a constante preocupação sobre o que estamos fazendo com o poder de mudança que possuímos.

3 comentários sobre “Qual é o seu lugar no mundo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s